3 de set. de 2015

Una: Prefeitura e associações promovem 1ª reunião para discussão do Festival do Mangostin






Numa iniciativa que visa abrir discussão e a participação de toda a sociedade interessada no projeto “Festival do Mangostin”, a prefeita Diane Rusciolelli realizou no dia de (hoje) 03/09, no Auditório do anexo César Rusciolelli (recém-inaugurado), uma reunião com as associações rurais e entidades  do município de Una/Ba.

Na oportunidade, com a presença da prefeita, a Secretaria de Turismo e Meio Ambiente Taís Gavazza, apresentou em telão o projeto, explicando sua funcionalidade, seu objetivo, e o envolvimento de toda a sociedade rural do município no Festival que está com data marcada para acontecer de 30 de outubro a 1º de novembro de 2015.

Ao contrário do que muitos pensam, segundo a explicação da secretária e a própria afirmação da prefeita Diane Rusciolelli, não se trata de uma simples festa de bandas, ou de micareta. Segundo elas, o evento tem como objetivo final, divulgar a nível nacional, não só o próprio Mangostin, mas também, as demais produtividades do município, abrindo-se mercados externos e gerando divisas para o que é produzido na terra.

Segundo a prefeita Diane, o Mangostin será um chamariz e a busca da atenção comercial a nível nacional do que se é produzido em Una/Ba, a exemplo dos muitos festivais que acontecem em todo o Brasil, e tem grande repercussão comercial. “Esse primeiro evento será um pontapé inicial para muitos outros que acontecerão anualmente, sempre em busca de gerar divisas para o município”. Disse a prefeita. “A participação da sociedade é muito importante para o sucesso desse evento, e é por essa razão que acontecerá muitas outras reuniões com todos durante esse período até que aconteça o Festival”. Finalizou.  

O Festival do Mangostin tem como objetivo beneficiar os produtores do município que é reconhecido como agrícola em todo o Brasil, e para tanto, foi apresentado as seguintes propostas que a partir de agora, estarão em discussão com a sociedade interessada:

A data foi escolhida porque, além de ser feriado próximo ao fim de semana, coincide com a colheita do Mangostin no município que é considerado o maior produtor do fruto em todo o Brasil.

O projeto “Festival do Mangostin” visa, sobretudo, o acesso a informações importantes sobre as novas tecnologias, tornará o fruto mais conhecido na região, trazendo a oportunidade dos visitantes conhecerem suas propriedades, trará novas oportunidades de negócios nos diversos segmentos e, consequentemente teremos grandes resultados no aumento do consumo e comercialização, além do aumento do fluxo turístico de Una e região, fomentar o cultivo e comercialização do fruto Mangostin, divulgando seus benefícios, tornando o produto mais conhecido no mercado nacional, além de atrair novos investimentos e novas tecnologias essenciais para o cultivo e crescimento da lavoura. A exposição visa também, contribuir para o fomento dos demais produtos agrícolas da região e ainda explorar e divulgar o potencial turístico e cultural do Município.

Apresentar outros produtos que são cultivados na região como a pupunha, graviola, açaí, cacau, dendê, café, seringueira e outros; Estabelecer parcerias com as Associações e Sindicatos vinculados à atividade agrícola no município de Una; desenvolver a produção associada ao turismo, através do fomento ao Turismo Rural e Turismo da Experiência; Gerar alternativas de entretenimento para a comunidade, resgatando as tradições locais; Valorizar as formas de expressão da cultura local como a música, dança e o teatro; Movimentar a economia da região aumentando o fluxo turístico local durante o período do evento.

O Festival do Mangostin será organizado no formato de exposição agrícola de forma a atender as necessidades dos produtores de Mangostin e demais cultivos, dos parceiros, do público interessado, dos diversos expositores, oferecendo os seguintes espaços:

Stands: áreas que irão expor os mais diversos produtos, artesanatos e serviços locais, em especial, produtos ligados ao cultivo do Mangostin e os atrativos turísticos do município.

Diversão e entretenimento: palco para apresentações artísticas, praça de alimentação com bares, lanchonetes, restaurantes e banheiros químicos.

Roteiros Turísticos Rurais e Esportivos: passeios nas fazendas de Mangostin, passeios nas áreas turísticas, passeios e competições de Bike rural.

Espaço histórico e cultural: divulgação da cultura local, do histórico da cidade e do surgimento do cultivo do Mangostin através de palestras com historiadores locais e exibição de painéis com fotos e documentos históricos, mostras de atrativos culturais e folclóricos da região.

Seminário: Realizar um ciclo de palestras com debates voltados para o fomento agricultura e desenvolvimento do turismo local.

Cavalgada Ecológica: realização de uma cavalgada percorrendo as principais ruas da cidade e encerramento com um Show Sertanejo no palco principal do Festival.

Estacionamento: área com capacidade para receber grande quantidade de veículos, com acesso livre para expositores e associados.

Segurança: a organização do Festival colocará policiais e guardas municipais a disposição para manutenção da ordem e segurança do evento.

O evento será realizado na Avenida David Fuchs (centro da cidade), e terá como público alvo os turistas Internacionais, Nacionais e Regionais que estiverem na Costa do Cacau, agricultores familiares, descendentes de japoneses, artesãos, artistas locais e regionais, comunidade escolar, empresários e a comunidade local em geral.
A princípio, o projeto apresenta a seguinte programação, que pode está sujeita a alteração, de acordo com o desenrolar das propostas e discussões:

1º dia: SEXTA-FEIRA
08:00h Seminário (programação adefinir).                                                                                16:00h Liberação do acesso aos stands.
17:00h Concurso da Garota do Festival do Mangostin (incentivo a participação das Escolas do Município), com premiação para as 3 primeiras colocadas.
18:00h Amostra fotográfica contando essa história no foyer onde vai acontecer a abertura.
19:00h – Abertura Oficial: Com apresentação cultural “A saga dos Japoneses e sua chegada ao município de Una e o Cultivo do Primeiro pé de Mangostin” e mensagem de Boas Vindas da Prefeita.
Após abertura oficial, visita das autoridades presentes ao espaço de exposição “stands”
22:00h Show artístico – Banda a definir.
2º dia: SÁBADO
08:00h Continuação do Seminário (programação a definir)
9:00h  Liberação do acesso aos Stands da Exposição
Visitações Guiadas às Fazendas de cultivo do Mangostin
Evento paralelo de Bike – Roteiro em direção a Pedras
Apresentações culturais e folclóricas itinerantes no trajeto onde estão os stands
20:00h  Shows Artísticos – Atrações a definir
3º dia: DOMINGO
9:00h Continuação da Exposição
                                                                               
Apresentações culturais e folclóricas itinerantes no trajeto onde estão os stands e
continuação das visitas ao Distrito de Colônia.
Realização da Cavalgada Ecológica passando pelas principais ruas da cidade todos com a camisa do evento e ao termino Show com atração Sertaneja
20:00h  Shows Artísticos – Atrações a definir.
O projeto ainda tem como item de importância sua divulgação em meios de comunicação:
Divulgação em emissoras Rádios locais (criação de um spot).
Divulgação em emissoras de TV local (possibilidade de divulgação gratuita em programas especializados como o Bahia Rural e sugestão de pauta de matéria sobre o cultivo do Mangostin).
Criação de cartazes para exibição em murais de locais públicos como Universidades, Escolas, Associações, Sindicatos, Órgãos Públicos, entre outros.
Criação de peças de outdoors para divulgação do evento em vias de acesso para a cidade como Itabuna, Ilhéus, Uruçuca, Jequié, Vitória da Conquista e Itapetinga;
Criação de um site / fanpagewww.una.ba.gov.br/festivaldomagostin, com as principais informações do evento, programação, inscrições nos eventos paralelos e página do facebook;
Criação de panfleto para divulgação da programação do evento.
Confecção de camisas para a comissão organizadora do Festival,Expositores, Equipe de Apoio e Participantes da Cavalgada.
O projeto ainda determina a exposição das logomarcas dos patrocinadores em todo o material publicitário. 
Fonte: Informe50 

Baixe o APP RadiosNet em seu celular ou tablet e ouça nossa rádio em qualquer lugar
 

Camacan Bahia Copyright © -- NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO! #Camacan Bahia# 2019