18 de mai. de 2022

Canavieiras Bahia: Dr. Almeida tem contas rejeitadas na Câmara por ter dado emprego ao povo.

 


O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA) emitiu parecer favorável pela rejeição das contas da Prefeitura Municipal de Canavieiras. 

As contas foram rejeitadas na tarde desta terça-feira (17), pela Câmara de vereadores, em julgamento político. Por 6 votos a favor e 5 contra, os parlamentares contrários ao gestor decidiram seguir o parecer do Tribunal, optando pela rejeição das contas. Os questionamentos na hora do voto, foram diversos, pois o prefeito só ajudou  empregando o povo num momento difícil que o país atravessa com a onda de desemprego.


O Prefeito Médico Dr. Almeida, precisaria da aprovação de dois terços do legislativo. Pelas projeções do evento na casa, apesar de ter sido um julgamento técnico, foi considerado muito mais político. Clóvis Roberto Almeida de Souza, mas conhecido como Dr Almeida, foi acusado pelos vereadores da oposição de ultrapassar o índice de pessoal exigido pela Lei que é de 54%. Sua rejeição se deu por promover emprego na cidade de Canavieiras.


Os que votaram em desfavor do prefeito foram Cleonildo Santos Tibúrcio (PROS), Roni da Pescan (PROS), Lescepis Macedo Rocha (PTB), Cosminho (PP) e a vereadora Isa do Partido Progressista.


Os vereadores que votaram com o prefeito foram: Cacá Guimarães (PDT), Ricardo Lima Da Hora Goiaba (Republicanos), Clery Costa (PROS), Professor Vitor Fábio (PDT), Nizão da Oficina (PP), Roque Alves (MDB). O advogado de defesa Dr. Alah Góes, comentou que todos os créditos suplementares foram aprovados pelo Legislativo, para mostrar que não houve irregularidade e eles não foram levados em consideração no voto condutor do parecer do relato do TCM.


Segundo a defesa, estes votos foram juntados apresentados, juntados novamente e "sabe-se, lá porque não foram levados em consideração na legislatura de 2018". Ele lembrou que a Lei 1.118/2018, foi aberto o crédito adicional, no valor de R$ 30 mil, destinado a atender dotações orçamentárias do ou seja, crédito suplementar para o poder Legislativo Municipal e é bom que se diga isso. "Então nós vamos punir o gestor por ter atendido um pedido do poder Legislativo?. O causídico destacou que o próprio Superior Tribunal de Justiça, tem emanado o sentimento, no sentido de que "nem toda legalidade se configura improbidade. "O que pode ter ocorrido, foi um erro técnico formal e não erros por conta de roubo", disse reiterando que uma falta de habilidade administrativa, não pode ser confundida com irregularidade ou improbidade. A defesa afirmou que Dr. Almeida é um médico bastante conceituado na região do cacau e está na vida pública com o objetivo de deixar sua contribuição em favor da coletividade. "Ele não vai sair mais rico do que entrou, muito pelo contrário, ele deixa de ganhar muito dinheiro como médico, para atender a população de Canavieiras", disse.


Dr.Alah Góes falou também que o Dr.Clovis Roberto (Almeida), pode atender como médico em qualquer um dos 417 municípios do estado, como um dos melhores cirurgiões e anestesistas do estado da Bahia. A defesa impetrou ainda que Canavieiras está bem atendida por ter um médico como ele, à frente da gestão pública municipal.

Fonte: Cacau Notícias Canavieiras


Baixe o APP RadiosNet em seu celular ou tablet e ouça nossa rádio em qualquer lugar
 

Camacan Bahia Copyright © -- NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO! #Camacan Bahia# 2019