26 de set de 2016

Justiça tira do ar propaganda com difamações contra Almir Melo


O Juiz da 116ª Zona Eleitoral de Canavieiras, André Santos Britto, decretou a perda do direito à veiculação de propaganda do candidato Dr. Almeida (23), no programa eleitoral gratuito, inclusive inserções. A propaganda veiculada violava a norma eleitoral, com ofensas contra a honra do candidato da Coligação Certeza do Progresso, liderada por Almir Melo.

De acordo com a decisão do magistrado, que acatou o pedido da Coligação Certeza do Progresso, tentando ridicularizar o candidato Almir Melo. No entender do advogado da Coligação, Carlos Alberto Batista Neves Filho, a propaganda tinha o fito meramente de tentar caluniar, difamar e injuriar Almir Melo, no programa eleitoral gratuito, numa afronta à Lei Eleitoral.
As mensagens veiculadas na rádio não eram apenas críticas ao homem público, que são pertinentes, quando verdadeiras, mas visavam tão somente tentar ridicularizá-lo perante o eleitorado. “Ao invés de apresentar propostas, o candidato usava o horário eleitoral gratuito para caluniar, difamar e injuriar um homem público conhecido pelo seu trabalho por Canavieiras como Almir Melo”, disse o advogado.

Para o prefeito Almir Melo, candidato à reeleição, enquanto os seus adversários praticam atrocidades em suas campanhas, os candidatos das Coligações Certeza do Progresso e União para o Progresso têm como foco apresentar propostas para o fortalecimento e desenvolvimento de Canavieiras. “Nosso compromisso é com o povo de Canavieiras, cidade que fui eleito para quatro mandatos e espero ser escolhido pela quinta vez”, explicou Almir Melo.
 

Camacan Bahia Copyright © -- Site criado em 25/06/2011 #Camacan Bahia# 2011/2015