24 de mar. de 2020

APOSENTADOS E BOLSISTAS AGLOMERAM-SE EM BANCOS PARA RECEBER BENEFÍCIOS EM CAMACÃ


Por Fred Costa:
Mesmo orientados pelos órgãos de controle e pela Saúde do município, pensionistas e bolsistas vão aos bancos sacar os benefícios. Notícia de que idosos que forem flagrados nas ruas perderão aposentadoria, É FALSA.
PERÍODO DE RECEBIMENTO DO BENEFÍCIO DEVE LEVAR UMA GRANDE QUANTIDADE DE IDOSOS ÀS RUAS.

Após o primeiro fim de semana obedecendo a orientação para ficar em casa, boa parte da população de Camacã saiu às ruas. Na manhã desta terça, 24, o fluxo de pessoas na avenida principal e na agência da Caixa Econômica estava praticamente normal. Todo fim de mês, uma grande quantidade de aposentados, pensionistas e beneficiários do bolsa família, vão a bancos e casas lotéricas sacar as aposentadorias, e, nesse período, é provável que ficarão mais expostos.


A recomendação é para que as pessoas evitem sair às ruas, principalmente idosos que são mais vulneráveis ao vírus. Em contrapartida,  governo brasileiro tem tomado medidas para tentar minimizar os impactos econômicos causados pela pandemia de coronavírus. Entre as mudanças anunciadas estão a antecipação de abono salarial e do 13º salário para aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), a criação de um voucher (cupom) para trabalhadores sem carteira assinada e mais dinheiro para o Bolsa Família.
O vice prefeito Paulo do Gás, que faz parte da linha de frente  das medidas tomadas pela administração do município, acredita que só estão indo às ruas, as pessoas que realmente necessitam.
“Por conta da necessidade de cada um, em receber seu benefício, não temos como controlar essa ida, principalmente dos aposentados e beneficiários que estão ao comércio. Mas, estamos orientado a população para que  mantenham distância uns dos outros e para que, após fazerem o necessário nas ruas, irem para suas casa. Graça a Deus e às nossas precauções, não temos nenhum caso confirmado em nossa querida Camacã. Os comerciantes estão contribuindo muito para que isso aconteça, pois estão obedecendo a orientação para não abrir o comércio “, disse Paulo do Gás.
O Secretário de Saúde do município, João Luiz Pio, descreveu as principais medidas tomadas pela Secretaria de Saúde, juntamente com as demais pastas envolvidas. “A primeira medida, foi limitar o número de comércios abertos, deixando aberto apenas os que são essenciais. A segunda, foi a conscientização da população de que só devemos sair para fazer o que for realmente necessário e a terceira, que é fundamental com as demais,  é monitorar as pessoas que chagam de fora”, afirmou João.
Uma mulher que estava na rua para fazer o saque de um benefício e preferiu não se identificar, disse a nossa equipe, que não tinha outra opção,  a “não ser ir na rua”, pois precisava do dinheiro para comprar mantimentos e não tinha quem fosse por ela.
Fonte: Folha do Cacau 
 

Camacan Bahia Copyright © -- NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO! #Camacan Bahia# 2019