16 de mar de 2016

Canavieiras: Assistência Social entrega uniformes de capoeira e inicia Curso de Cabeleireiro


A última quarta-feira (15) foi movimentada no Centro de Referência e Assistência Social (Cras). Dois eventos foram promovidos pela Secretaria da Assistência Social de Canavieiras, no sentido de valorizar as pessoas de baixa renda e mobilizar a sociedade: A entrega de uniformes para os alunos da oficina de capoeira e a aula inaugural do Curso de Cabeleireiro do Cras, para usuários do Programa Bolsa Família. Os kits, contendo camisa e calça foram entregues para os alunos da oficina de capoeira do Cras, através do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). As aulas são realizadas às segundas e sextas-feiras, para as crianças de até 10 anos e, às terças e quintas-feiras, para os jovens de até 17 anos, no contraturno escolar. Além das aulas com o professor Mestre Biriba, eles tomam aula sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), com os orientadores sociais. Para a Secretária da Assistência Social, Vanessa Leite, é de grande importância a padronização dos uniformes. “Além de transmitir credibilidade, inspira confiança e organização”. Atualmente, além da Capoeira, as oficinas oferecidas pelo Cras de Canavieiras são: Jiu-jitsu, Dança e Teatro, Futebol, Grupo de Idosos, Grupo de Gestantes, Grupo de Pais e Oficina de Cabelo (curso de geração de emprego e renda). Segundo a secretária, através desse tipo de iniciativa, que estimula a interação social e a formação para o trabalho, o Cras busca fortalecer a convivência familiar e comunitária, o retorno e a permanência de seus membros no sistema de ensino através de trabalhos voltado para a comunidade. “O Cras conta com uma equipe técnica formada por assistente social, psicólogo, orientadores e facilitadores sociais para atender a família e o aluno. É no grupo de convivência que eles aprendem a se ressocializar e a ter alguma perspectiva de vida”, explica. E a partir das 14 horas, também na sede do Cras, foi realizada a aula inaugural do Curso de Cabeleireiro, para usuários do Programa Bolsa Família. O curso tem duração de três meses e carga horária de nove horas semanais, das 9 às 11 horas e das 14 às 16 horas, para 36 alunos, compostos de homens e mulheres. O cabeleireiro Nelson Santos, monitor das aulas, explica que no curso, os participantes terão aulas práticas e teóricas de cortes de cabelo masculino e feminino, escovinha, colororimetria capilar, selagem química em geral, e outras técnicas. “Todos sairão daqui sabendo cortar, higienizar e tratar os cabelos, usando os produtos indicados para cada tipo de fio. Além disso, ensino a usar os
equipamentos adequados, a fim de promover a mudança desejada pelo cliente ou necessária para a elaboração de um penteado”, disse o cabeleireiro. A assistente social do Cras, Ana Angélia, ressaltou que uma das características positivas do Programa Bolsa Família é disponibilizar cursos e oficinas, com a finalidade de capacitar os beneficiários, para que encontrem uma “porta de saída” do programa. “Nesses cursos e oficinas eles aprenderão a gerar renda e poderão a exercer novas atividades produtivas”, concluiu. Nesta quinta-feira (16), a equipe do Cras estará no distrito de Oiticica, visitando as famílias carentes para fazer o cadastro no SCFV.
 

Camacan Bahia Copyright © -- Site criado em 25/06/2011 #Camacan Bahia# 2011/2015