11 de dez de 2015

Camacan: Guardas Municipais se reúnem com Arildo de Florentino e discutem regulamentação da catedoria

12355766_1148680488483365_1773208889_o
A classe pediu para a prefeitura remover os guardas da central de abastecimento, porque trabalham sozinhos
Guardas Municipais participaram de uma reunião na manhã desta quinta-feira (10), com o prefeito Arildo de Florentino e o Secretário de administração Ronan Ferreira, objetivando negociar as demandas da guarda municipal do município. Uelerson Gonçalves e os guardas municipais Delmo Souza, Leandro Souza, Leandro Santos e Fabio Moreira, trataram questões como Regulamentação e condições básicas de trabalho para a categoria. Eles também solicitaram uniformes para os agentes e melhoria na escala de serviço de alguns setores.
A comissão expôs suas ideias para o prefeito, mostrando a importância da regulamentação da categoria, citando exemplos de cidades pequenas que adequaram a Lei Federal 13.022, as quais os profissionais prestam serviços relevantes, sem onerar os cofres públicos. O Guarda Municipal Delmo Souza, apresentou ao gestor, imagens de guardas municipais agredidos fisicamente e outros mortos em postos de serviço pelo fato de estarem trabalhando isoladamente e sem uma equipe de apoio.
Foi exposto na reunião que alguns destes, trabalham no distrito de Jacareci, são tratados com indiferença, uma vez que os mesmos não fazem rotatividade de escala, deixando transparecer um assédio moral em relação aos garis.
Delmo falou não ter nada contra a profissão de gari e que tem muito apreço pela categoria, mas reitera que os guardas municipais que trabalham em uma fazenda tomando conta de uma caixa d’agua, não recebem protetor solar, botas, chapéus, facão, não tem água potável, e nem tão pouco existe lugar onde possam fazer suas necessidades fisiológicas.
Também foi exposto que estes profissionais não recebem adicional noturno e que no centro de abastecimento, os guardas vivem tirando plantão sozinhos. Ele destaca que no local, funcionam vários bares que não tem horário definido para fechar.
12335913_1148680491816698_969185771_n (1)
Citou exemplo dos guardas municipais Luanderson e Fábio Costa que foram agredidos fisicamente por indivíduos drogados, e pediu providências urgentes.
O Secretário de Administração perguntou a Delmo qual sugestão ele daria para a Central de Abastecimento, e o profissional respondeu que a prefeitura deve retirar urgentemente os guardas municipais lotados na Central de Abastecimento, realizar uma reunião com todos comerciantes para que os mesmos venham criar uma Associação e os próprios comerciantes colocarem vigilantes e assumirem responsabilidades a quaisquer danos ocasionados ao patrimônio público local.
O Secretário de Administração Erick Ronan enfatizou que vai tomar as devidas providências entregando a Central de Abastecimento ao Ministério Público e disse já ter comunicado ao Comando da Policia Militar sobre o caos que é o local.
Há informações que o prefeito está disposto a desengavetar o projeto de regulamentação citado por Delmo, mas enfatizou que isso não será da noite para o dia. Ele pediu uma minuta do estatuto da Guarda Municipal de Camacã para que o mesmo possa encaminhá-lo ao procurador do município que ficará na incumbência de fazer uma análise.
O Secretário Ronan parabenizou a iniciativa da comissão e considerou que a reunião foi bastante satisfatória Segundo informou, ele já esperava por este encontro, citando já ter sentado com outras categorias do serviço público.
Delmo finaliza dizendo que espera selar um pacto onde a guarda municipal camacaense passe ser tratada como instrumento necessário e indispensável para o patrimônio municipal, bem como de seus munícipes. Uma nova reunião está em andamento, que poderá ocorrer no próximo dia 18 de dezembro, quando serão discutidos interesses dos Guardas Municipais e o novo comando será apresentado, com o fim de explanar os trabalhos e projetos a serem desenvolvidos.
 

Camacan Bahia Copyright © -- Site criado em 25/06/2011 #Camacan Bahia# 2011/2015