24 de nov de 2015

Mulher é surrada pelo marido enquanto faz o almoço em Camacan

GEDSC DIGITAL CAMERA
A mulher exibiu no plantão da polícia civil, as marcas da violência infringida pelo marido. 
Uma dona de casa que reside no bairro Leoventura e não quis se identificar por temer represália, foi violentamente atacada pelo marido Ronaldo da Silva de Jesus, 34 anos, anos. O crime ocorreu por volta do meio dia, desta segunda-feira (23). Ela contou à reportagem que estava fazendo o almoço, quando foi surpreendida pelo marido, que se apossou de um pedaço de fio de energia elétrica e desferiu várias vezes nas costas, braços pernas e tórax. Ela conta que foi tamanha a violência que não teve como se defender.
A mulher relatou que não houve briga ou discussões para que o marido agisse com tanta violência. Após tê-la violentado, o marido se ausentou do recinto temendo pela chegada da polícia. A dona de casa exibiu no plantão da delegacia, as marcas da violência do homem com quem vive maritalmente há um ano.
Ela disse acreditar que o marido estivesse sob o efeito da droga ou da cachaça, e confessou que ele é viciado em droga e álcool. A mulher disse ainda que por causa da violência vai abandonar o marido, porque já não suporta mais viver no sofrimento. O delegado Francesco Denis da Silva Santana, vai enquadrar no artigo 11.340, identificada como Maria da Penha, que visa aumentar o rigor das punições sobre crimes domésticos, principalmente aos homens que agridem fisicamente ou psicologicamente a uma mulher ou à esposa.
Fonte: Otempo Jornalismo
 

Camacan Bahia Copyright © -- Site criado em 25/06/2011 #Camacan Bahia# 2011/2015