16 de jul. de 2015

Canavieiras: Acolhimento e integração entre pais e alunos na volta às aulas


Após o recesso de 12 dias, as escolas da Rede Municipal de Ensino já estão retomando a rotina das aulas. Na quarta-feira (15), as escolas receberam os alunos para o início de uma nova fase no calendário letivo, realizando atividades de acolhimento e integração entre família e profissionais da unidade de ensino, um trabalho que, segundo a Secretária da Educação, Emília Cristina Augusto dos Santos, vai refletir diretamente no desempenho e na aprendizagem do aluno Segundo Emília Augusto as atividades de readaptação do aluno ao ambiente escolar buscam uma maior participação da família na vida da criança. “Para que o processo de adaptação seja mais tranquilo para crianças, famílias e educadores, é fundamental a criação de laços afetivos e de confiança entre os envolvidos. A partir desse contato nós sabemos como fazer um trabalho específico com cada aluno”, explica. Na escola Professora Regina Célia, no distrito do Poxim, o retorno às aulas contou com a participação de toda comunidade escolar: alunos, pais, professores e funcionários, que participaram de brincadeiras, apresentações e outras atividades. Explica a coordenadora pedagógica da Escola Professora Regina Célia, Vilma Rosário, que essas ações são importantes para criar um ambiente de acolhida, em que cada um se sinta pertencente ao espaço escolar. Segundo Vilma Rosário, que este ano a adaptação foi mais tranquila, pois no encerramento do primeiro semestre do Fundamental I foram promovidos diversos eventos com os alunos, como brincadeiras, apresentação teatral, desfile de modas, show de calouros, dentre outras atividades. “Nosso planejamento para o novo semestre tem a finalidade de promover a melhoria do ensino, com ações de natureza intra e extraclasse, envolvendo alunos e familiares. Já nos Centros de Educação Infantil, com as crianças menores é o momento de readaptação. Na Escola ACM, as atividades de acolhimento foram iniciadas na quarta-feira, com exposição de vídeos infantis e pipoca. Nesta quinta-feira, pula-pula, algodão doce e atividades lúdicas com monitores. O acolhimento será finalizado na sexta-feira (17), com um passeio pelos pontos turísticos da cidade. A coordenadora pedagógica Soledade Paternostro explica que nas escolas de educação infantil, muitas crianças têm dificuldade para se adaptar a essa nova realidade. "Ela passou todo tempo integralmente com a família e, de repente, ela é colocada num lugar novo, com pessoas diferentes e junto com outras crianças. Algumas chegam com comportamento diferente, outras ficam sem comer e sem dormir porque estranham o ambiente. Por isso é importante, quando possível, fazer
esta adaptação", afirma. Em outras escolas da rede municipal, foram realizadas reuniões com pais de alunos. “É essencial que os pais tomem conhecimento e se apropriem de toda a rotina escolar. O objetivo é acolher a família para que conheçam a escola, os profissionais e também tomem conhecimento do calendário escolar de 2015. Além disso, os diretores vão ter a oportunidade de convidar aos pais ou responsáveis dos alunos para participar das atividades da escola”, disse Soledade.
 

Camacan Bahia Copyright © -- NOTÍCIAS DO BRASIL E DO MUNDO! #Camacan Bahia# 2019